O que é Reprodução Humana?

Reprodução é a capacidade que um organismo tem de originar outro, dividir, procriar. A Reprodução Humana estuda, investiga e trata tudo o que está relacionado à fertilidade e infertilidade dos seres humanos.

O quê posso fazer, além de usar medicações, para aumentar minhas chances de engravidar?

O estilo de vida pode ajudar como: ter alimentação saudável, pois estar abaixo ou acima do peso pode diminuir as chances de engravidar; praticar exercícios físicos regularmente – que ajuda a manter o peso adequado e libera endorfinas que são os “hormônios da felicidade” que ajudam a diminuir o estresse; evitar álcool que têm sido associado à alteração da qualidade principalmente do espermatozóide e evitar fumo – que pode provocar menopausa precoce e alterações no sêmen, além de estar relacionado a recém-nascidos de baixo peso.

Quando ocorre e porque ocorre a Gestação Gemelar e qual a diferença entre Gêmeos Idênticos e Não Idênticos?

A gestação gemelar ocorre numa freqüência de 12 em cada 1000 nascimentos, ou em 3 a 5 % das gestações. Destes, dois-terços são dizigóticos ou fraternos (não-idênticos).

As chances de gestação múltiplas com os tratamentos são maiores do que as encontradas na natureza.

Pode ocorrer no coito programado e na inseminação artificial se houver crescimento de mais de um folículo e pode ocorrer na fertilização in vitro/ICSI devido ao fato de se transferir mais de um embrião para se dar uma boa chance de sucesso.

Existem os gêmeos monozigóticos, cuja freqüência é constante no mundo e não varia com a idade ou paridade, e onde houve fecundação de 1 óvulo, sendo geneticamente iguais; e os dizigóticos, cuja freqüência varia com a raça (mais comum nos negros), de acordo com a origem (menos freqüente na Ásia), aumentando com a idade materna, a paridade e a história familiar materna; nestes casos houve fecundação de 2 óvulos, logo, são geneticamente diferentes, podendo ser de sexos iguais ou diferentes.

Os dizigóticos na maioria têm 2 placentas e 2 bolsas amnióticas. Dentre os monozigóticos, a depender do período de separação dentro da embriologia – se com um, cinco ou treze dias- há os dicoriônicos diamnióticos (2 placentas e 2 bolsas), monocoriônicos diamnióticos (1 placenta e 2 bolsas) e monocoriônicos monoamnióticos (1 placenta e 1 bolsa).

Os dizigóticos estão associados com programas de fertilização in vitro.

Quais os dias férteis de um Ciclo Menstrual?

No passado se orientava que os casais deveriam ter relações de dois a três dias antes ou depois da possível ovulação. Porém, a partir da década de 90, houve estudos que mostraram que não há risco de gravidez se há relação seis dias ou mais antes da ovulação ou nos dias posteriores à ovulação; que os dias mais férteis são os dois dias que antecedem a ovulação e o próprio dia da ovulação; que os espermatozóides conseguem sobreviver por pelo menos cinco dias antes da ovulação e ainda que a abrupta queda da fertilidade no dia posterior à ovulação reflete a curta sobrevida do óvulo ou um bloqueio do muco cervical à penetração dos espermatozóides.

A segunda fase do ciclo menstrual é fixa (devido à duração do corpo lúteo) e o quê varia de mulher para mulher é a primeira fase do ciclo, ou seja, o tempo de crescimento do folículo ovariano, portanto, quanto maior o ciclo mais tarde foi a ovulação e, conseqüentemente, mais tarde foi a janela fértil.

Mesmo assim, os casais com dificuldade para ter filhos, não podem contar com a precisão desse método, porém podem aumentar suas chances de concepção, mantendo duas a três relações por semana, durante cada ciclo.

Onde encontrar tratamentos de fertilização gratuitos?

  • SANTA CASA DE MISERICÓRDIA
    (Clínica de Infertilidade conjugal)
  • HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA USP
    (Setor de Esterilidade Conjugal)
  • HOSPITAL SÃO PAULO, DA UNIFESP
    (Setor Integrado de Reprodução Humana)
  • HOSPITAL PÉROLA BYINGTON – CENTRO DE REFERÊNCIA DA SAÚDE DA MULHER (Divisão de Reprodução Humana)
  • HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA UNICAMP
    (Ambulatório de Esterilidade)

Pílula pode prejudicar a engravidar?

Não há estudos que indiquem que pílulas anticoncepcionais possam prejudicar o futuro reprodutivo. Elas podem ser usadas até para alguns tratamentos dentro da Reprodução Humana.

Vasectomia: é melhor fazer a reversão ou fazer a Fertilização In Vitro?

O sucesso da reversão da vasectomia (reabertura do canal que leva os espermatozóides até serem ejaculados) depende da habilidade do cirurgião e técnica da cirurgia; do tempo entre a vasectomia e a cirurgia de reversão – os melhores resultados acontecem até 5 anos da cirurgia; – e idade da mulher – em geral a cirurgia é mais interessante se a parceira possuir até 35 anos, pois após esta idade a fertilidade da mulher diminui bastante.

O que é Varicocele?

É a presença de varizes (veias dilatadas) ao redor dos testículos. Pode estar relacionada à infertilidade masculina por influir no acúmulo de produtos do metabolismo e aumentar a temperatura local levando à diminuição da quantidade e qualidade dos espermatozóides. Necessita avaliação do urologista.

Por quê algumas vezes os tratamentos falham?

Isso deve ser bastante discutido com seu médico, mas a causa mais freqüente é que os embriões provavelmente falharam em se desenvolver no útero. As razões são que os embriões humanos têm uma chance baixa de implantação, provavelmente por alterações cromossômicas – muitos embriões que parecem saudáveis podem conter falhas nos cromossomos (estruturas dentro das células que contêm genes e que controlam o trabalho celular).